quarta-feira, 25 de julho de 2007

Solidao...

Image Hosted by ImageShack.us

Não me importo muito com a solidao...
Sempre a tive por companheira...

Mas, me importo com as mentiras que
vao sendo vividas...
Com as coisas que vao sendo faladas...
Com os desejos que se simulam...
Com a falta de tato...
Com a irresponsabilidade pelo carinho do outro...

Vejo através da alma...
Olho para o coraçao...
Abraço de verdade...
Sinto com a emoçao...

Questiono...
Dou espaço...
Permito...
Deixo a vontade...

Peço desculpas por culpas que nao sao minhas...
Vivo... sorrio mesmo quando as lagrimas
escorregam pelo rosto...

Apenas... sou...

E no final, invariavelmente o que
descubro é que brincaram de novo com
minha poesia...
DEUSA DO AMOR
Image Hosted by ImageShack.us

8 comentários:

Azul disse...

Olá Amiga!

Desculpa as minhas ausências... é... ando meio preguiçosa...:)

Solidão... tenho para mim que a pior solidão é quando mesmo rodeados de pessoas nos sentimos sós...


Um beijo enorme e o desejo de um óptimo fds.
Azul

João Cordeiro disse...

Regressado de uns dias de ócio, eis-me de novo na partilha do ser…

Uns tocam-nos o corpo sem nunca nos terem tocado a alma... e outros tocam-nos a alma sem nunca nos terem tocado o corpo...


Beijo sonhador

lurainbow disse...

P.S Um convite lá no blog ;)

Soninha disse...

Bom dia minha doce amiga!
 Pra VOCÊ, UM BOM DIA
Enfeite sua vida com flores de gratidão!
Coloque no coração laços de cetim colorido
Decore seu olhar com luzes de esperança
Dê presentes e embrulhe-os com
um pouco de amor, carinho, compreensão,
ternura, reconciliação, perdão!

Tem presente de montão
no estoque do nosso coração
e....... não custa um tostão!

DarkAngel disse...

Ola morena loura

Quem disse que eu me esqueço...
Mas sabes eu estive a fazer o post e depois sem querer apaguei tudo tive que voltar a fazer e sem kerer eu esqueçi de te por mas ja está corregido desculpa lindona te adoro
deixo te um Big kiss

suruka disse...

Olá querida Deusa.
Escreves de tal forma que fico na duvida se falas vivencias reais ou se inventas as tuas palavras.

Solidão sim, sei o que é e aceito.

Nao aceito esse estado de tristeza porque achas que brincam contigo.

Tens um espaço lindo, escreves muito bem, nao podes temer nada. ÉS LINDA!

bjs

Anônimo disse...

ola linda, nao sei que se passa tentei deixar-te aqui um comentario mas nao tou a conseguir publica-lo, vamos ver se e desta, bem so te queria dizer que tou aqui e que sempre poderás contar cmg, porque eu sei bem como te sentes, mas tens de acreditar que a vida da muitas voltas e que um dia esse vazio que sentimos irá ficar prenchido.Quero-te muito bem, terás sempre esse lugar especial no meu coração, porque amigas como tu sáo dificeis de encontrar e eu nunca mais te quero perder.Beijinhos...Adoro-te! Sandra

naenorocha1@hotmail.com disse...

ALÉM

Perco-me na confusão de sonho e realidade
Nesta mistura de quimeras e vida
Aquele lugar ume ímã de saudade
Que no extremo do rio detida
E que desejo, mas ficou por aqui
Esperando que alguém me veja rir.

Quem sabe demarcações inexistentes
Adias tão longe sem que possa ser
Descanso e sossego para os penitentes
De que essa instância possa oferecer
Risonhos nós? Diz-se talvez,
Naquela distância, em pouca vez.

Tão, só sonhada, não se insinua
Só de sonhá-la já me cansou
Sob os oitizeiros, olhando a lua.
Sente-se o frio quando ela pousou.
Ah, nesse canto também além
O mal se faz, enfrenta o bem.

Diferente de outros lugares
Nem com as sombras irreais ou não
Que alisa a alma nos seus altares
Que o bem ovule qualquer meu coração.
È ermo, sem nada, que é tudo,
Que a vida irrompa, sobretudo.

Um beijo
Naeno

www.poemusicas.blogspot.com

Vens ao meu blog.

e me faz outro favor: Colocas um contaqdor de presenças. Eu sem querer mexi, e deletei. Pões um igual ao teu. Tudo isso, por favor.

Um beijo