segunda-feira, 6 de agosto de 2007

Ja fui uma sonhadora...

Image Hosted by ImageShack.us

Já fui uma sonhadora...

Meus castelos eram cor de rosa...

As nuvens eram os jardins que eu gostava de passear...

as ilusões eram o tema preferido da minha vida...

Sonhei tanto que o principe encantado

chegou num alazão branco

beijou meus labios

adormeceu em meu colo

e partiu para o céu....

Dai vaguei perdida entre brumas e nevoas...

Conheci pessoas de verdade...

Historias de coragem...

Sonhos reais...

Tristezas... alegrias... saudades e chegadas....

Meu coração apaixonou-se pelo viver...

Embriaguei-me em abraços...

Perdi-me em cansaços e voei sonhos altos demais...

Hoje... olho para o mundo como uma escola...

Vivo o presente...

Recordo o passado...

Construo o futuro e agradeço a Deus

cada cicatriz que a vida me deu...

Rumos... não sei ao certo quais quero pra mim...

O vento leva meus pensamentos

e a folha em branco é a ternura que gosto pra mim...

os poemas são a terapia que escolhi...

o sorriso e o aperto de mão são o que de melhor aprendi...

Amo meus filhos...

Meus amigos...

Vivo do vento e do sol

e espero pelo meu amor maduro que vai

deixar-me recostar em seu colo e acariciar

meus cabelos com a delicadeza de um anjo

e a ternura de um grande Homem...
Deusa do Amor

17 comentários:

carla granja disse...

OLÁ! TÁ LINDO O TEU BLOG CHEIO DE COISAS BONITAS ,BELAS PAISAGENS BONITA MUSICA E O K ESCREVES É DE FACTO MUITO LINDO .PARABÉNS. EU TMB ANDO HÁ PROCURA DE UM HOMEM K ME FAÇA FELIZ ,MAS UMA COISA TU JÁ TENS K EU NAO TENHO TENS 2 FILHAS LINDAS E EU NÃO TENHO NADA. SE KISERES DÁ UMA OLHADA NO MEU BLOG
BJO
CARLA GRANJA

A.S. disse...

Nunca deixes de sonhar... O sonho é o alimento da alma e está em cada palavra do teu poema...


Beijos...

Zé Ninguém disse...

Hoje é quinta feira!

Ninguém precisa da sua ajuda!

http://absolutamenteninguem.blogspot.com/2007/08/as-damas-7.html

Grato!

Lia disse...

Não deixes de sonhar...

Os sonhos não fogem...
Nós é que desistimos e eles acabam por morrer...

Um beijo

O Profeta disse...

Errantes fragrâncias, soltas no dia
Tanta paz, tanta verdade incontida
Tanta fé, no caminho da vida
No céu, grito de pássaro de asa ferida


Profético beijo

NETMITO disse...

Tanto amor...))*
Bjs*)

suruka disse...

NÃO PERCAS NUNCA A CAPACIDADE DE SONHAR.

SINTO EM TI FORÇA SUFICIENTE PARA O FAZERES.

ESTÁ ATENTA AO CAVALO ALADO QUE VOLTARÁ.

VALE A PENA VIVER!

bjs

carla granja disse...

olá! minha amiga. tive a ver as tuas fotos em fatima e já há muitos anos k lá não vou a ultima vez k fui ainda era miuda, mas esteano tive em roma no vaticano e amei é lindo,lindo e realizei a minha viagem de sonho. em milão têm uma catedral tão linda k kuando eu a vi na minha frente me assustei com tanta beleza tanto por fora como por dentro. kuando lá entrei ouvia o padre a dar a missa em italiano e a voz dele saía pelas colunas, a catedral é tão grande k eu por mais k olhasse não via padre nenhum . depois é k fui andando e vi entao o padre. um dia destes tenho k ir a fatima pois já nem me lembro de nada.
bjo
carla granja

Escorpiana Explosiva disse...

lindas palavras nem sei o que dizer porque e muito lindo o q escreves.

Sailing disse...

Voltei ao teu mundo, e encontro sempre paixão, sonhos, sedução, magia

PArabens
Sailing

Isabel disse...

olá palavras lindas como sempre.
bjs

Vieira Calado disse...

Amiga, deixar uma nomeação para si no meu blog.
Beijinhos

Rafaela disse...

"Se destruíssem
todos os sonhos
dos homens, a
Terra perderia
suas formas e
suas cores, e nós
adormeceríamos
em uma cinzenta
estupidez."

Bjossss minha linda amiga!!

Bruxinhachellot disse...

Desejo de amar profundo e sem igual. Bela poesia.

Beijos de Sol e de Lua.

suruka disse...

Tu ainda �s e ser�s sempre uma SONHADORA.

bjs ( sauadades )

suruka disse...

Voltei para te ler. Ou reler.
Mas também para te dizer que na " TOCA "
tens um desafio.

bjs

Sleeping_Angel.69@Hotmail.com disse...

Refugias os teus medos
aqui,
onde o vento suave te sussurra
e os sonhos constroem a esperança
que te suporta...
Aqui,
crias peças imaginárias
com vidas e receios de marionetas;
tu és as suas próprias histórias:
sem lutas, sem perdas,
mas sem conquistas de vitória...


Haverá voz de revolta
quando te encontras em ilusão?
Consciência cega, surda e muda
vive num lugar sem memória...
Haverá dor em revolta
quando o coração não sente
os gritos de solidão?
Consciência fatigada da realidade
procura um lugar de conciliação...


Na caminhada para a concórdia
criaste um lugar só teu:
um oportuno e oculto refúgio
onde pensamentos se perdem,
lágrimas se isolam
e a felicidade carece de resolução...
Quem quer habitar num mundo
como o deste aqui?